Brincadeiras

As Brincadeiras estimulam a atividade física e mental, desenvolvem os instintos naturais e divertem.

brincadeiras para cachorro

                                                           


BRINCADEIRAS

 

As brincadeiras a seguir ajudam a construir uma relação forte com seu amigão.

Melhoram a maneira como ele lhe ouve e responde aos seus comandos, estimula a atividade física e mental e faz aflorar seus instintos naturais ao procurar e caçar a comida.

Sempre o estimule a pensar em como resolver um problema

 

GASTAR ENERGIA

 

ufa!! depois de tanto exercício não vejo a hora de poder dormir tranquilo, sem estresse nem ansiedade

 

1 – enrole uma corda à volta do Kong e pendure-o num armário, numa árvore ou noutro local

- o buraco menor deve ficar para baixo

- encha o Kong, pelo buraco maior, de ração

- deve ficar a uma altura em que seu cão alcance, mas não baixo demais

- ele vai ficar entretido em tentar fazer cair os grãos de ração

- no final, dê-lhe a ração que sobrar como recompensa

 

2 – passe uma corda pelos orifícios do Kong

- na ponta que saiu pelo buraco maior faça um nó grande o suficiente para não passar pelo outro buraco

- puxe a corda pelo orifício menor    

- instigue o cachorro a tentar pegar o Kong da sua mão

- se ele não “der bola”, passe um pouco de manteiga ou ração em pasta no brinquedo e faça-o cheirar, mas sem deixar pegar

- assim que ele estiver interessado, jogue o Kong  no chão e comece a girar em volta de você mesmo

- o cachorro deverá correr em círculos tentando alcançar o Kong

- se o terreno for um pouco irregular, melhor ainda, pois o Kong irá quicar

- quando quiser parar, deixe-o pegar o brinquedo

- no final, você vai estar inteiro e ele cansado de correr

 

ESCONDE-ESCONDE

 

 a gente se divertiu prá caramba, mas eu parecia uma barata tonta !!

 

1 – comece segurando o filhote enquanto outra pessoa se esconde

- quando a pessoa estiver escondida você diz:”cadê fulano?” e ande com o filhote pela casa

- no começo, quem está escondido pode ter que fazer algum barulho para atrair a atenção dele

- quando o filhote o achar, todos devem fazer festa e elogiá-lo

- logo o filhote irá procurar a pessoa escondida sem precisar de muito incentivo, encontrando cada membro da “matilha’ (=família) pelo nome

 

2 – se você está sózinho em casa com seu amigão, também pode fazer essa brincadeira

- quando seu peludo estiver bem distraído, saia de fininho e esconda-se atrás de uma porta, perto de onde ele está

- chame-o pelo nome, até ele prestar atenção, depois, fique quieto (uns 30 segundos)

- chame-o novamente e fale “Rex (nome fictício), procura” e fique quieto

- observe pelo vão do batente da porta a movimentação do cachorro. Ele vai ficar desnorteado, tentando entender onde você está

- conforme ele procura, faça um barulho ou chame-o bem baixinho etc...

- se começar a demorar e ele não conseguiu encontrá-lo, saia de trás da porta, fale “achou” e faça festa

- com a repetição da brincadeira, ele vai ficar craque em te encontrar

- depois, você pode brincar de esconde-esconde no jardim, num parque, escondendo-se atrás de uma árvore, moita etc...

 

FARO

 

ah!! nada melhor do que exercitar o faro, caçar a própria comida e interagir com você, um membro da matilha...

 

1 – Iniciantes

- peça para uma pessoa segurar o peludo em um canto da sala e tampar os olhos dele

- pegue um pedaço de bifinho (que é bem cheiroso) e passe-o na frente do nariz dele

- em seguida, esfregue esse petisco no chão, deixando um rastro de odor, desde o seu peludo até onde você vai esconder o bifinho

- depois de escondido, solte o seu cão e estimule-o a procurar

- diga “procura” apontando o chão por onde esfregou o petisco

- no começo, crie uma trilha curta entre o peludo e o bifinho, e esconda-o num lugar relativamente fácil

- aos poucos, vá intensificando o desafio

 

2 – escolha um brinquedo interativo (= que possa ser recheado) e coloque o petisco que seu cão mais gosta

- deixe-o cheirar, olhar para onde você vai, mas sem te seguir

- esconda o brinquedo em um lugar que ele consiga achar, sempre ao nível do chão

- solte-o e incentive-o a achar o brinquedo, use a palavra “procura”

- a recompensa será deliciosa

- assim que ele melhorar na brincadeira, não o deixe ver você esconder o brinquedo e escolha lugares cada vez mais difíceis

 

3 – outra variação da brincadeira é usar o brinquedo preferido

- os cachorros podem aprender os nomes de muitos brinquedos e objetos com esse jogo, como por exemplo procura a bola azul, ou procura o jacaré etc...

- com o tempo, você poderá colocar esses objetos um ao lado do outro e treinar para o cachorro buscar o brinquedo específico, diga: busque a bola azul, busque o jacaré etc...

- só aceite o brinquedo e faça muita festa, quando ele acertar o brinquedo que você estava pedindo

 

4 – pegue o petisco que ele mais gosta e faça vários pedaços pequenos

- peça para ele sentar e ficar

- se ele não souber os comandos, peça para alguém segurá-lo

- deixe-o ver o que está fazendo

- o mais legal é fazer essa brincadeira num gramado

- deixe-o cheirar o petisco na sua mão

- vá a +/- 5 metros de distância dele, coloque um pedaço de petisco no chão, ande mais 1m e coloque outro pedaço no chão, siga este procedimento para mais 2 pedaços, sempre em linha reta

- volte até o seu cachorro, solte-o e ordene: “procura”

- quando ele estiver comendo o 1º petisco, diga novamente “procura” e assim por diante até o último pedaço

- caso seu cachorro não consiga chegar até o 1º petisco, ou nos outros, não fique frustrado, ele ainda não entendeu o que você quer que ele faça

- vá até o 1º petisco, abaixe-se, chame-o com ênfase, de maneira agradável e mostre com a mão onde está o petisco até ele achar, faça o mesmo para todos os demais pedaços

- repita todo o exercício mais 2 vezes, depois pare

- recomece no outro dia, senão, perde a graça, o cachoro se distrai e não quer mais continuar

- assim que ele conseguir acertar todos os petiscos, sem a sua ajuda, comece a praticar sem que o cachorro veja você fazer a trilha, prenda-o em algum lugar e, ao soltá-lo, fale “procura”

 

5 – quando seu cachorro já estiver craque na brincadeira acima, comece a dificultar

- aumente as distâncias, sempre em linha reta

- quando ele estiver ok, introduza uma variável, coloque outros 2 petiscos, na horizontal, em paralelo ao último pedaço, formando uma cruz

- numa próxima vez, esqueça a cruz, mas acrescente uma curva à direita

- use a imaginação, crie circúitos variados e divirta-se

 

AQUÁTICOS

 

arf! arf! daqui a pouco minha língua vai cair de tão pendurada que ela está, “num tô guentando “ tanto calor...

 

- para quem não tem piscina, lago ou riacho

 

1 – encha um balde grande com água

- jogue alguns cubos de gelo

- deixe seu cachoro se virar para tirá-los da água

- caso ele não se empolgue com o gelo, coloque um brinquedo que flutue ou uma bola

 

2 – outra alternativa é a de encher uma bacia grande com muita água

- na frente dele, escolha um dos brinquedos preferidos, que não flutue e jogue-o na água

- se quiser dificultar, em vez da bacia, use um balde grande que é mais fundo

 

3 – se tiver uma piscina de plástico, melhor ainda, pode fazer as brincadeiras acima de uma só vez. Mas prepare-se para o que vem depois, você terá que enfrentar uma bela limpeza (aproveite para lavar o quintal)

 

DIVERSOS

 

1 – massagem refrescante

- esfregue seu companheiro com uma toalha molhada e fria

- refresca sem dar choque térmico

- dê atenção às orelhas e às patas: esfriar esses pontos alivia e dá conforto ao seu bichinho nos dias mais quentes do verão

 

2 – cavando a mão

- deixe seu cachorro cheirar alguma guloseima que ele gosta, na sua mão

- quando ele demonstrar interesse em pegar a comida, coloque-a no chão e cubra com a sua mão em concha

- deixe uns pequenos espaços entre os dedos para que ele possa ver e cheirar a guloseima, mas não para pegá-la

- veja como ele tenta se livrar de sua mão

- para finalizar, depois de uns 30 segundos, faça-o sentar e só então dê o petisco

 

3 – rapidinho

- é muito legal

- este jogo em alta velocidade ensina o cachorro a responder rápidamente aos comandos já ensinados préviamente – mesmo quando excitado ou distraído

- muitos bichinhos irão precisar de ajuda neste aqui

- diga “ok, hora de brincar”

- comece a brincar

- fale de maneira alegre, jocosa

- mexa-se, pule, faça qualquer coisa para deixar seu amigo feliz e interessado

- no meio da brincadeira, dê-lhe um comando que conheça bem, como “senta”

- imediatamente fique imóvel e em silêncio

- se precisar, ajude-o

- assim que ele “sentar”, dê um petisco e recomece a brincadeira

- se você a fizer corretamente, ficando muito feliz e excitado durante a brincadeira e absolutamente imóvel em silêncio depois dos comandos, ele logo aprenderá como “ligar” o jogo, obedecendo-o imediatamente

- gradativamente vá retirando a recompensa (o petisco) até conseguir o resultado só com o comando de voz

- pode-se brincar com vários câes ao mesmo tempo

 

4 – biscoitos voadores

- escolha um lugar ao ar livre para ir com seu companheiro

- depois, é só jogar seus petiscos favoritos e vê-lo correr todo feliz atrás das guloseimas

- além de ficar em forma, ele vai se divertir muito e você não terá que “se exercitar” muito.

 

Copyright Cristina Agostini - 2009
Este texto é protegido pela lei de direitos autorais.
É permitida a sua reprodução sem alterações,
desde que incluídos o link e os créditos a seguir:

Cristina Agostini - Adestradora
Dogsnet - Produtos e Brinquedos diferentes prá cachorro!
www.dogsnet.com.br

 

Mais Matérias

Conheça nosso
canal no Youtube!

Curtiu? Veja mais:
Adestramento e Comportamento

Divertidos e Curiosidades

Amar é cuidar bem!



Receba dicas no seu e-mail para cuidar ainda melhor do seu amigo.